Meu anel de brilhantes tem mais de um metro e meio de largura

1 mar

Daqui a exatos 28 dias, farei mais um aniversário. A proximidade da data me fez lembrar o presente que ganhei do Príncipe no último Natal. Ele é péssimo com surpresas e, ainda assim, insistiu em me preparar uma. Deve ter esquecido que namora a criatura mais curiosa e sem-vergonha do mundo.

Sem gastar muita saliva, consegui convencê-lo a fornecer pistas semanais sobre o presente. Só ouvi dicas superficiais, como: “é uma coisa surpreendente”, “tem mais de uma cor”, “você precisará avisar o seu pai”, “você viu isso outro dia” e “eu precisei conversar com meus pais”. A confusão começou quando resolvi dividi-las com duas amigas mais íntimas. De imediato, as animais tiveram certeza que eu estava prestes a ganhar um anel de brilhantes. Não satisfeitas, ainda afirmaram que o pequeno mimo viria acompanhado de um pedido oficial de casamento. A imaginação foi tão grande, que as duas já discutiam sobre a cor do vestido de madrinha de cada uma!

Os dias passaram lentamente até a chegada do Natal. É claro que ele não me daria o anel, mas também não sabia o que iria ganhar e a idéia das meninas não era ruim. Pontual como sempre, o Príncipe chegou lá em casa na hora marcada. Entrei no carro e logo voei no seu pescoço. Beijinho pra cá, abraço pra lá, mas estava a fim era de ver o presente. Quando olhei para o banco de trás, encontrei a surpresa: um “anel de brilhantes” com mais de um metro e meio de largura. Mentirinha! Era um belo exemplar da tela “Fluffy Friends”, do artista plástico Romero Britto.

Amei o presente e amo você, Príncipe.

Lição de hoje: Nunca deixe a sua intuição em segundo plano para seguir a dos outros. Ah, e muito cuidado com surpresas!

Ps.: Todas as dicas estavam corretas. O problema foi a interpretação. O quadro tem mais de uma cor. Aliás, toda obra de Romero é alegre e multicolorida. Meu pai foi avisado porque cheguei em casa com um embrulho imenso debaixo do braço. O Príncipe conversou com seus pais porque encomendou o pedido na loja e sua mãe precisaria recebê-lo na sua residência.

Beijokas e pipokas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: