As surpresas nossas de cada dia

28 fev

CloserEstava terminando de assistir a mais um episódio do programa Troca de Família, na Record, quando meu irmão começou:

Maga, você tem aquele filme “Closer”?

Não. Por quê?

Quero vê-lo de novo. Esse filme é muito bom!

Hum… não achei nada demais.

Não?! Você não sentiu nada ao assistir?

Não.

Caramba! Eu senti assim… um vazio.

Ué, mas por quê?

Me fez perceber que quanto mais nos aproximamos de alguém, maior é a probabilidade de nos machucarmos.

Mas isso eu já descobri há tempos!

Credo! Não quero ficar insensível como você.

Mas esse é o caminho natural, não há como evitar.

Eu prefiro tentar.

Poxa, eu até gostei do filme. Tem belas cenas de sexo!

Sexo? Quase não há sexo.

O quê?? E o streap-tease super sensual da Natalie Portman?

Porra, parei contigo! O macho aqui sou eu, lembra?

Ok. Então vamos cantar: “I can’t take my eyes off of you. I can’t take my eyes off youuuuuuu…”

Beijokas e pipokas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: